Comment are off

“Las Caras de Cervantes”- Redescobrindo Miguel de Cervantes através da arte

Sob a orientação da professora Carolina, de Espanhol, e Valdir, de Arte, os alunos do 8º e 9º ano do Barão de Mauá participaram de uma atividade interdisciplinar na qual emprestaram seu talento e contribuíram com a exposição “Las Caras de Cervantes”, um acontecimento especial para marcar o IV Centenário do falecimento do escritor Miguel de Cervantes (1616-2016).

A ideia foi estimulada pela professora, a partir da convocação dos organizadores da exposição, para trabalhar com a biografia de Miguel de Cervantes e provocar os alunos a pensar sobre qual seria o rosto que representaria o escritor espanhol e, consequentemente, poder ligá-lo ao imaginário social atual.

Em Artes, os alunos fizeram desenhos livres usando nanquim no papel canson e usaram a imaginação para criar a sua versão da “cara de Cervantes”. Seus desenhos foram entregues à curadora da exposição, Dra. Marta Pérez Rodríguez, que veio até o Colégio para um encontro especial com os alunos, cujos desenhos integrarão a exposição, que acontecerá no Instituto Miguel de Cervantes, em São Paulo, de 22 de junho a 29 de julho.

    

    

    

    

 

“Frente ao desafio de dar-lhe um rosto, os alunos pesquisaram e se aprofundaram tanto em sua biografia como em sua obra, e se encantaram por Cervantes, o homem, especialmente por seu bom humor, Inteligência e persistência”, comenta Carol.

………………………………………………………………………….

O QUE DIZEM NOSSOS ALUNOS

“Encontrei, nesse trabalho, a oportunidade de me expressar. Estou pintando o rosto de um dos maiores escritores do mundo e tê-lo em uma exposição faz com que me sinta honrado.”

(V. A., 13 anos).

***

“Estou contente por conhecer melhor ao escritor; cada aula é algo novo e isso me encanta.”

(A. P., 13 anos).

***

“Este projeto é muito interessante, valoriza muito o trabalho e toda a história de Miguel de Cervantes. Espero poder ampliar meus conhecimentos, não só em arte, como também na literatura espanhola.”

(D. M., 13 anos)

“Muito me alegra participar deste projeto. Estamos aprofundando os conhecimentos  em uma história que jamais pensei conhecer. Considero muito importante entender a vida do escritor para expressar melhor seu rosto. Participar de algo tão grandioso me faz sentir orgulho do meu trabalho.”

(K. F., 13 anos)

***

“Espero que todos possam conhecer sua obra e biografia, que os rostos que lhe demos possam contribuir com isso.”

(J. F., 13 anos)

………………………………………………………………………………………………………………..

 

 

 

 

 

 

 

 

Exposição: Las caras de Cervantes

“Este projeto foi concebido como resultado das atividades docentes realizadas com os alunos no Instituto Cervantes de São Paulo (Brasil) em pleno ano cervantino (2016).A ideia concreta surge quando os alunos começaram a trabalhar nas aulas de espanhol com a biografia de Miguel de Cervantes, que se versou. A partir daí, começaram os questionamentos sobre qual era o rosto que representaria o escritor espanhol e, consequentemente, poder ligá-lo ao imaginário social atual.

Logo foram descobrindo que os quadros clássicos e mais representativos, como o que foi atribuído a Jáuregui e, que ainda é presidido pela Real Academia Espanhola (RAE), não são nada mais do que apócrifos, sendo assim não representariam a imagem do autor de Alcalá de Henares. Com perplexidade e assombro vai aumentando cada vez mais a preocupação diante da pergunta: “Então, como era o rosto do maior escritor da História da Literatura?”
Tudo isso sem esquecer que em pleno século XXI  o que mais sensibiliza e mobiliza o ser humano é a imagem, essa marca física que faz vibrar a sociedade. Isso, sem contar com os novos meios de comunicação, além da incipiente efervescência das redes sociais. Em síntese, o escopo do projeto Las caras de Cervantes é continuar dando asas à filosofia cervantina de experimentação e, principalmente convidar os visitantes da exposição para que viagem pelos mistérios biográficos que estes artistas vão revelar através dos seus pincéis, sobretudo por causa da interpretação histórica, porém deixando uma marca clara de sua visão contemporânea para que a mostra se dispa daqueles estereótipos que nos acompanham há mais de quatro séculos.”.

Dra. Marta Pérez Rodríguez, curadora da exposição “Las Caras de Cervantes”

Sobre o Autor